2 de julho de 2008

no teu colo






No teu colo


Seus carinhos me fazem tão bem
Mas sinto que também que
corres um risco em minhas mãos
Pois a essência que vive em mim
é como poção mágica
Contagia, inflama e invade
Não aproveite de minha carência
Eu posso não resistir
No teu colo sinto seguro
Sinto seu coração pular
Ele bate como uma canção
Ritmado, com minhas palavras de amor .
Você acredita no amor
como eu acredito?
Deixa-me sonhar nesse
Seu colo meigo
Ele me traz paz
Me coloca no chão
Acredito que nada acontece
por acaso
Mas quando você tiver que partir
Não me deixe sem um beijo
pois eu agora Te Adoro


Beijos



Dr x


5 comentários:

DO disse...

Ah,o AMOR!!

Grande abraço!!

Kall disse...

So um beijo e muito pouco te dou todos os beijos e de todos os sabores...mas sem despedidas ok...sabe que jamais te abandonarei pois p sempre tb te adorarei meu amado.
bjosss

Anônimo disse...

que coisa mais fofa e meiga.
Sabe X um chamego é tão bom né... melhor q muitas coisas as vzs, ficar abraçadinho sentir o calor da pessoa amada, sentir o cafuné... curtir esse momento...
Poucos sabem dar avalor a isso, pensam em sexo, sexo, sexo... Se bobear, as vzs um "DENGO" desse satisfaz bem mais....
Amei, vou pegar.... o poema..rs
Beijos Xarmosão
Anda conquistando corações hien...ta podendo hein PM..rs

www.dollyta.blogger.com.br

Anônimo disse...

DIVINO POEMA...AMEI! E ESSE COLO QUE TE DOU...É ESSE CHÃO QUE TE FALO E TE LEVO...É DESSA VIDA QUE QUERO FAZER PARTE...MEU ADORÁVEL POETA!
TE AMOOOO!
BEIJOS LÊ

Anônimo disse...

oi...acho que a Rô disse tudo,momentos como esses,de carinho,de chamego,de colinho,de mãos dadas,abraçadinhos,conversando,rindo ou ate mesmo silêncio satisfaz muito mais...adorei,beijos.Hebe