23 de fevereiro de 2007

Boca Meu Amor





Que Boca Meu AMOR



Estes seus Lábios de desenho tão lindo

Guarda a alegria de um imenso sorriso

Esconde as vezes mágoas

Principalmente dos inimigos.


Estes seus lábios macios

Um vício que Eu desejo beijar

Por enquanto é fantasia

Não custa nada sonhar.


Estes lábios que se desontrolam

De prazer eu só quero ouvir gritar

Palavras sussurradas ao vento

Confesso de você ..Eu adoro escutar.


Estes seus lábios as vezes serrados

Me deixa tão louco sim

Figura no seu rosto a guerreira

E inflama a paixão dentro de mim.


Lábios tristes..hum é coisa séria

É o choro que não quer parar

Miséria, fome ou doença

Só Deus para nos consolar.


Lábios de amante bandida

Sem dúvida a maior tentação

É o gosto do eminente perigo

Que dispara qualquer coração


Lábios vermelhos é o crime

Esta cor me faz delirar

Eu imploro por um beijo incrivel

Mas agora, que Eu quero te dar


Lábios tímidos é uma delicia

Dificil de poder beijar

Um discuido, um momento, um vacilo

Pronto..um beijo eu consigo roubar



Beijos na boca meu amor








Bom finds

dr x

Um comentário:

Raquel disse...

Olá!!
Vim conferir as novidades e estou vendo que por aqui tudo muito quente!!
Uma ótima semana!
Beijos